As tendências do fim de semana do SuperJogos, as SuperPicks para apostas futebolísticas do mundo inteiro estão aqui, com as mesmas dicas de apostas que você conhece para o futebol europeu, agora para os campeonatos estaduais e regionais do Brasil. Alguns como fortes barbadas, outros com total atenção as surpresas, e que merecem o nosso cuidado na hora de apostar. Essas são as maiores tendências, o que não significa que elas vão se concretizar, afinal, falamos de um dos esportes mais traiçoeiros e imprevisíveis do mundo.

Aqui falamos dos 10 dos jogos para cada tipo de mercado, sejam resultado final, dupla possibilidade, over 2.5 e under 2.5 e se ambas as equipes marcarão gols. As dicas dentro das linhas podem ser reutilizadas em outras, caso você prefira. Há sempre múltiplas opções no mercado de apostas.

Lembrando que as linhas padrão do SuperJogos com relação a futebol consistem sempre em 2.5 para gols e 8.5 para escanteios, agora “rebaixadas” para manter um nível mais justo com relação aos tiros de canto.

Não utilizaremos por enquanto a métrica para escanteios, anytime para gols de jogadores e gols no primeiro tempo, devido a ausência deste quesito em apostas de alguns estaduais.

RESULTADO FINAL

  1. Vitória-Freipaulistano: Apostamos no triunfo do Vitória, pois vem de ter ganho o clássico no último fim de semana, vem de classificação na Copa do Brasil, enquanto o Freipaulistano perdeu 4 dos últimos 5 jogos na temporada.
  2. Athletico-Toledo: Apostamos na vitória do Athletico, pois joga como mandante, onde não perdeu em casa, contra um Toledo que vem de 4 derrotas consecutivas entre Campeonato Paranaense e Copa do Brasil. 
  3. Palmeiras-Mirassol: Apostamos na vitória do Palmeiras, que não perdeu nenhum dos seus jogos como mandante no Paulistão, e enfrenta o seu primeiro jogo no Allianz Parque na temporada 2020, embora o Mirassol faça boa campanha.
  4. Coimbra-América-MG: Apostamos na vitória do América-MG, invicto na temporada 2020, contra um Coimbra que ainda não venceu no Campeonato Mineiro, onde é estreante na competição. 
  5. Brusque-Juventus-SC: Apostamos na vitória do Brusque, pois vem de uma sequência positiva, com 5 jogos sem perder, e joga em casa contra um Juventus que perdeu seus últimos 2 jogos no Campeonato Catarinense.

DUPLA POSSIBILIDADE

  1. Guarani-Novorizontino: Apostamos no favoritismo do Guarani, que vem de 3 partidas sem perder no Paulistão, e encontra um Novorizontino que não vence há 4 jogos no campeonato.
  2. Imperatriz-Juventude-MA: Apostamos no favoritismo do Imperatriz, que entre o Estadual e as copas da temporada, não perdeu seus últimos 3 jogos, apesar de encontrar um Juventude que vem de vitória no Campeonato Maranhense.
  3. Altos-Parnahyba: Apostamos no favoritismo do Altos, que entre o Estadual e as copas da temporada, não perdeu seus últimos 5 jogos, e está invicto em 2020, apesar de enfrentar um Parnahyba que vem de 3 vitórias consecutivas.
  4. Atlético-MG-Caldense: Apostamos no favoritismo do Atlético-MG, pois joga em casa, onde não perdeu na temporada, contra uma Caldense que não venceu como visitante no ano, apesar da crise atleticana.
  5. Vila Nova-CRAC: Apostamos no favoritismo do Vila Nova, que joga em casa, contra um CRAC que só venceu 1 dos seus últimos 5 jogos no Campeonato Goiano. Porém, o Vila tem suas irregularidades.

OVER

  1. Atlético-GO-Goiás: A escolha se explica pois em 5 dos últimos 6 clássicos entre Atlético-GO e Goiás, houve 3 gols ou mais (mais que 2.5).
  2. América-RN-CRB: A escolha se explica pois em 4 dos 5 últimos jogos do América-RN na temporada, houve 3 gols ou mais (mais que 2.5).
  3. Brasiliense-Gama: A escolha se explica pois em todos os 5 últimos jogos do Gama na temporada, houve 3 gols ou mais (mais que 2.5).
  4. Vitória da Conquista-Bahia de Feira: A escolha se explica pois em 3 dos 5 jogos do Bahia de Feira no atual Campeonato Baiano, houve 3 gols ou mais (mais que 2.5).
  5. Tupynambás-Uberlândia: A escolha se explica pois em 3 dos 5 jogos do Tupynambás no atual Campeonato Mineiro, houve 3 gols ou mais (mais que 2.5).

UNDER

  1. São Paulo-Corinthians: A escolha se explica porque em 6 dos últimos 8 clássicos entre São Paulo e Corinthians, houve menos que 3 gols (menos que 2.5).
  2. Chapecoense-Criciúma: A escolha se explica porque em 7 dos últimos 8 clássicos entre Chapecoense e Criciúma, houve menos que 3 gols (menos que 2.5).
  3. Patrocinense-Cruzeiro: A escolha se explica pois em 2 dos 3 jogos do Cruzeiro no atual campeonato estadual, houve menos que 3 gols (menos que 2.5), marca que pode potencialmente ser repetida.
  4. Internacional-Grêmio: A escolha se explica porque em 7 dos últimos 8 clássicos entre Internacional e Grêmio, houve menos que 3 gols (menos que 2.5).
  5. Campinense-Treze: A escolha se explica porque em 4 dos últimos 5 clássicos entre Campinense e Treze, houve menos que 3 gols (menos que 2.5).

BTTS (AMBOS MARCAM)

  1. Náutico-Sport: A escolha se explica pois em 8 dos últimos 10 clássicos entre Náutico e Sport, ambas as equipes marcaram gol na partida.
  2. CSA-Botafogo-PB: A escolha se explica pois em 4 dos últimos 5 jogos do CSA na temporada 2020, ambas as equipes marcaram gol na partida.
  3. Avaí-Joinville: A escolha se explica pois em 4 dos últimos 5 jogos do Joinville no Campeonato Catarinense, ambas as equipes marcaram gol na partida.
  4. Marcílio Dias-Figueirense: A escolha se explica pois em 3 dos 6 jogos do Marcílio Dias no Campeonato Catarinense, ambas as equipes marcaram gol na partida.
  5. Caucaia-Guarany de Sobral: A escolha se explica pois em 4 dos últimos 5 jogos tanto de Caucaia, quanto de Guarany de Sobral no Campeonato Cearense, ambas as equipes marcaram gol na partida.