O Imortal Tricolor estreia na Copa Libertadores da América 2020 as 21:30 (horário de Brasília) contra o América de Cáli, talvez o time mais azarado da história da competição continental. Na década de 80, o time rubro colombiano foi vice-campeão três vezes seguidas (85, 86 e 87), feito que repetiu em 96, contra o mesmo algoz de dez anos antes, o River Plate. A partida acontece no icônico estádio Pascual Guerrero.

Jogando em casa, os Diablos retornam a Libertadores depois de dez anos de ausência. Em 2009, ano também do rebaixamento do clube na Colômbia (ficou 5 anos na segunda divisão), a campanha foi pífia e patética, com 0 vitórias, 3 empates e 3 derrotas, e eliminação na primeira fase. A equipe é dirigida pelo brasileiro naturalizado costa-riquenho Alexandre Guimarães.

Nesse ano o time da casa jogou 7 vezes, venceu 3, empatou 2 e perdeu em duas oportunidades. Marcou 11 gols e sofreu 6 gols. Em casa 3 vitórias e 1 empate. Atual campeão colombiano, o América de Cáli perdeu uma vez em casa na campanha do título.

O Grêmio começou um ano cheio de dúvidas, com veteranos como Thiago Neves e Diego Souza sendo contratados – e contestados -, e com a responsabilidade de ganhar títulos importantes. A vitória no Grenal, em pleno Beira-Rio, encheu o torcedor do Imortal de confiança, mas a derrota para o Caxias na final do primeiro turno do Gauchão colocou um ponto de interrogação na cabeça dos tricolores.

Nesse ano, 5 vitórias e 3 derrotas, com 13 tentos anotados e 6 sofridos. Os times se enfrentaram 4 vezes em Libertadores, com duas vitórias em casa para cada lado. O último encontro, pelas semifinais da Libertadores 96, terminou em 3-1 para o time do Vale do Cauca.

Formações

América de Cáli: Chaux, Arrieta, Torres, Segovia e Velasco; Jaramillo, Sierra e Vergara; Pisano e Cabrera; Rangel. Técnico: Alexandre Guimarães. Desfalques: Luis Paz, Adrián Ramos, aquele, ex-Borussia Dortmund e Carrascal.

Grêmio: Vanderlei, Victor Ferraz, David Braz, Geromel e Caio Henrique; Lucas Silva, Maicon e Matheus Henrique; Alisson e Everton; Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi. Desfalques: Kanneman, Marcelo Oliveira e Leonardo Gomes.

A Aposta

Sem grandes rodeios e analisando como os ataques tem funcionado na temporada, vamos de Acima de 1,75 gol em Mercados Asiáticos no BetWarrior, com cotação de 1,64.

Dica: Acima de 1,75 gol @1,64 no BetWarrior